terça, 2 de setembro de 2014
DME - Cuidados para sua saúde
CRM
e-mail
senha

É preciso preencher/cadastrar os dados acima para acesso.

DME
LeituraDiminuir letraAumentar letra Versão para Impressão Indicar

Patologias do Punho e Mãos

As tendinites e tenossinovites de mão e punho podem ter diversas etiologas. Doenças reumatológias, distúrbios metabólicos, tumores, doenças infecciosas e traumas são os responsáveis por estas alterações. Quando resultantes de micro traumatismos de repetição ou macro traumas, são elas enquadradas como LER (lesões por esforços repetitivos) que, uma vez identificadas como sendo secundários a esforços realizados no trabalho, são diagnosticadas como DORT (doença osteo articular relacionada ao trabalho).

LER e DORT podem ser situações diferentes, dependendo do estímulo gerador. Vale ressaltar que a grande maioria das LERs não são DORTs

Tendinite ou tenossinovite do polegar

Também chamada de tendinite de DE QUERVAIN, consiste ela de um processo inflamatório que acomete os tendões do abdutor longo e extensor curto do polegar que, ao passar por um túnel formado pela epífise do radio em sua parte inferior, pela apófise da estilóde radial e pelo ligamento posterior do carpo sofre, um processo inflamatório. Geralmente é resultante de um excesso de movimento com o punho em situação não fisiológica, com um desvio ulnar, radial ou em flexão. Das alterações que acometem o punho, é ela a mais freqüente em esportistas podendo, no entanto, ocorrer em patologias sistêmicas, na gravidez ou ainda, secundariamente a esforços repetitivos. Dentre os esportes que causam esta lesão, podemos citar o tênis de mesa, o esgrima, o pebollin, a musculação e os exercícios localizados com peso como os principais causadores desta afecção.


Tendinite ou tenossinovite digital estenosante

Também chamada de dedo em gatilho, é uma doença inflamatória bastante comum em donas de casa. Observamos nesta doença uma nodosidade que resulta de uma fibrose tendínea na primeira polia anelar, próxima da articulação metacarpo falangeana. Via de regra secundária à macro trauma localizado, é comum em donas de casa que possuem o hábito de carregar sacolinhas de super mercado onde o excesso de peso forma uma zona de pressão localizada.
Dentre os locais acometidos, é mais comumente encontrada no tendão flexor do 4o. e 3o dedo. O nome dedo em gatilho vem do fato de no movimento de extensão do dedo, o espessamento ou nódulo tendíneo dificultar a passagem do tendão pela sua polia correspondente, causando um sobre salto. Quando isto ocorre assemelhando-se ao disparo do gatilho do revólver.

(foto)

Tendinites dos extensores e flexores dos dedos e punhos

Bastante comum em atividades esportivas que utilizam raquetes e bastões, resultam, quase sempre, de um excesso de solicitação da musculatura envolvida no movimento. Encontrada também em donas de casa que executam suas tarefas habituais, possue como seu grande mito a profissão de digitadores como sendo os indivíduos mais acometidos. São as tendinites destes grupos musculares também secundárias a patologias sistêmicas, alterações hormonais, processos infecciosos e mesmo, estados fisiológicos como a gravidez. O encontro do fator desencadeante é de primordial importância no tratamento desta lesão que, por regra, responde bem ao repouso e uso de medicamentos e métodos anti inflamatórios.




PRATIQUE ESPORTE SEMPRE COM A ORIENTAÇÃO DE UM PROFISSIONAL COMPETENTE.

Dr. Antonio Carlos Novaes (Reumatologista)
Assistente Estrangeiro da Fac. de Med. de Paris


Todos os direitos reserevados - Proibida a Reprodução Parcial ou Total
Projeto NG Sites